Comportamento fenológico e produtivo da videira ‘Jacquez’ (Vitis bourquina) no norte do Paraná - DOI: 10.4025/actasciagron.v30i2.1734

Alessandro Jefferson Sato, Everton Allen Brenner, Cristiano Ezequiel dos Santos, Sérgio Ruffo Roberto

Resumo


O conhecimento do comportamento fenológico e produtivo de videiras americanas, destinadas à produção de sucos e vinhos, como a ‘Jacquez’ (Vitis bourquina), na região norte do Paraná, é de extrema importância para que os viticultores locais tenham a possibilidade de diversificar a produção e aumentar a renda em suas propriedades. Foram avaliados o comportamento fenológico e produtivo desta videira em Maringá, Estado do Paraná; estudou-se a duração do seu ciclo, bem como se estimaram as características produtivas em dois anos. Determinaram-se, também, as propriedades químicas das bagas, como o teor de sólidos solúveis (SST), acidez titulável (AT) e a relação SST/AT. Os resultados evidenciaram que, nos dois anos de avaliação, o ciclo total da videira, na região, foi em média de 137,5 dias; sua produtividade, de 37 t há-1; e produção de 14,8 kg planta-1. No momento da colheita, o mosto das bagas apresentou, em média, teor de SST de 16,94ºBrix e AT de 1,15% de ácido tartárico. Diante dos resultados, considera-se promissor o cultivo da videira ‘Jacquez’ para fins industriais na região norte do Paraná, pois, quando cultivada nesta região, apresentou características físico-químicas desejáveis para a industrialização

Palavras-chave


uva; vinho

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v30i2.1734

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

ISSN: 1679-9275 (impresso) e 1807-8621 (on-line) e-mail: actaagron@uem.br