Comportamento do milho consorciado com feijão em sistema de plantio direto - DOI: 10.4025/actasciagron.v26i3.1828

Alessandra Demarchi Maciel, Orivaldo Arf, Matheus Gustavo da Silva, Marco Eustáquio de Sá, Salatier Buzetti, João Antonio da Costa Andrade, Evaristo Bianchini Sobrinho

Resumo


O consórcio de culturas é prática comum na maioria das pequenas propriedades do Brasil, sendo grande parte do milho e feijão produzidos são provenientes de cultivo em consórcio. Este trabalho foi desenvolvido durante dois anos, objetivando avaliar a eficiência produtiva do milho em consórcio com o feijão, utilizando diferentes populações de plantas em relação ao monocultivo, em solo originalmente com vegetação de cerrado e, anteriormente, cultivado com arroz. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso com quatro repetições. Com exceção das diferenças observadas entre os cultivares, onde o cultivar de milho BR-201 sobressaiu em relação ao cultivar Tractor, o consórcio não interferiu nas características agronômicas do milho. A população de 50.000 plantas ha-1 apresentou maiores valores para as características agronômicas do milho

Palavras-chave


Phaseolus vulgaris L.; Zea mays L.; população de plantas; cultivares

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v26i3.1828

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

ISSN: 1679-9275 (impresso) e 1807-8621 (on-line) e-mail: actaagron@uem.br