Avaliação da degradação de fenol via fotocatálise direta e sensibilizada - DOI: 10.4025/actascitechnol.v28i2.1189

Veronice Slusarski Santana, Nádia Regina Camardo Fernandes Machado

Resumo


A influência do tipo de irradiação, VIS ou UV, foi avaliada na degradação fotocatalítica do fenol em diferentes condições operacionais. Testes com TiO2 como fotocatalisador foram realizados durante 5h, nos quais parâmetros como irradiação, aeração, massa de TiO2 e concentração inicial de fenol foram variados. Os resultados de análise textural e DRX mostraram que o TiO2 é um material mesoporoso e constituído de uma mistura das fases rutile e anatase. Os testes de fotodegradação mostraram que a fotocatálise sensibilizada foi muito mais lenta que a fotocatálise direta, que foi muito mais fácil degradar soluções diluídas e que a presença de oxigênio não influenciou a eficiência do processo

Palavras-chave


fotocatálise direta e sensibilizada; compostos fenólicos; TiO2

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascitechnol.v28i2.1189





ISSN 1806-2563 (impresso) e ISSN 1807-8664 (on-line) e-mail: actatech@uem.br

  

Resultado de imagem para CC BY