Estrutura de informação para sites municipais: reunindo cidadania e ergonomia - DOI: 10.4025/actascitechnol.v27i1.1499

Tania Fatima Calvi Tait, Glaucio Roberto Toledo Pires, Diego Minholi, Carlos Augusto Mori Yutani, Dante Alves Medeiros Filho, Marcelo Morandini

Resumo


Especificamente no setor público, a Internet tem procurado aproximar os cidadãos dos serviços públicos. Assim, há novas exigências para o setor público, como o fornecimento de serviços via Internet e a transparência das informações. Entretanto, não basta disponibilizar informações em um site de forma desorganizada e sem critérios. Para atender à nova forma de apresentar serviços, faz-se necessário criar uma estrutura de informação que encampe os aspectos inerentes à estrutura municipal: atividades meio (administração, fazenda, jurídico) e atividades fim (esporte, cultura, educação, assistência social etc.) bem como aspectos relacionados à cidadania. Dentro desse cenário, o presente artigo trata o desenvolvimento de sites municipais sob a ótica de critérios ergonômicos e cidadania. Realizou-se uma pesquisa em 24 sites municipais, e a partir da análise dos resultados procedeu-se à elaboração de critérios ergonômicos com a abordagem cidadania para o desenvolvimento de sites municipais. Além da análise desses sites, esta pesquisa apresenta tanto a estrutura de informação para sites municipais como recomendações para a elaboração de sites municipais que encampem as questões aqui tratadas e que são relevantes para o aproveitamento adequado das capacidades fornecidas pelo governo eletrônico

Palavras-chave


critérios ergonômicos; sites municipais; setor público; governo eletrônico

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascitechnol.v27i1.1499





ISSN 1806-2563 (impresso) e ISSN 1807-8664 (on-line) e-mail: actatech@uem.br

  

Resultado de imagem para CC BY