Determinação de metais em corantes alimentícios artificiais - DOI: 10.4025/actascitechnol.v30i1.3218

Cleber Antonio Lindino, Affonso Celso Gonçalves Jr, Gracilene Gisele Orth Schreiner, Jackson Spohr Schreiner, Luciana Oliveira de Farina

Resumo


Em razão da grande utilização de corantes alimentícios artificiais nos mais diferentes produtos, o controle de qualidade se torna imprescindível. Um dos problemas que pode estar presente, nestes corantes, é o teor elevado de metais tóxicos em sua composição, provenientes da contaminação da síntese da matéria-prima ou do processo de manufatura. Neste trabalho, os corantes em solução foram caracterizados por espectrofotometria na região do visível e ultravioleta. Posteriormente, foram determinados os metais Pb, Cd, Al, Cr e As, em soluções aquo-alcóolicas de corantes artificiais, vendidas comercialmente. Foram encontrados todos metais pesados tóxicos estudados nas amostras de dois diferentes lotes de corantes, com alto coeficiente de variação, com o As excedendo os limites legais em um dos lotes.

Palavras-chave


corantes alimentícios; metais pesados; contaminação

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascitechnol.v30i1.3218





ISSN 1806-2563 (impresso) e ISSN 1807-8664 (on-line) e-mail: actatech@uem.br

  

Resultado de imagem para CC BY