Avaliação da atividade fotocatalítica de Nb2O5 - DOI: 10.4025/actascitechnol.v32i1.3923

Veronice Slusarski Santana, Eduardo Ossamu Mitushasi, Nádia Regina Camargo Fernandes-Machado

Resumo


Como a fotocatálise heterogênea é um dos métodos de tratamento de efluentes mais promissores, o estudo da atividade fotocatalítica de novos catalisadores é de primordial interesse. Assim, testes de degradação de solução de sacarose parcialmente caramelizada foram realizados empregando 2 g de Nb2O5 e TiO2 mássicos e Nb2O5 impregnado em microesferas de vidro (5,0, 10 e 15%Nb2O5 vidro-1) sob radiação UV durante 168h. TiO2 e Nb2O5 foram submetidos a processo de aglomeração (tamanho de partícula: 0,210 e 0,297 mm) e calcinados a 500ºC por 5h. Nb2O5 foi solubilizado em ácido oxálico (0,5 mol L-1) a 70ºC por 8h, misturado com as microesferas de vidro, seco a 110ºC por 12h e calcinado a 500ºC por 5h. A eficiência do processo fotocatalítico foi avaliada por espectrofotometria UV-VIS e método DNS. Os resultados mostraram que catalisadores de Nb2O5 são promissores para aplicação em fotocatálise, principalmente o 15% Nb2O5 vidro-1, o qual apresentou resultados semelhantes ao do TiO2.

Palavras-chave


fotocatálise; Nb2O5; impregnação; esferas de vidro; sacarose

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascitechnol.v32i1.3923





ISSN 1806-2563 (impresso) e ISSN 1807-8664 (on-line) e-mail: actatech@uem.br

  

Resultado de imagem para CC BY