Imagem para capa

Sobre a relação entre Rei, Lei e Parlamento no Antigo Regime

Alexander Martins Vianna

Resumo


Este ensaio pretende desenvolver um entendimento sobre as relações mutáveis entre Rei, Lei e Parlamento na Inglaterra, entre a “Grande Matéria” (1532-1535) de Henrique VIII e a Guerra Civil Inglesa (meados do século XVII), que as situe adequadamente nos caracteres institucionais (práticos e doutrinais) do Antigo Regime, rompendo com a chave de leitura da historiografia liberal que, desde o século XIX, tende a essencializar uma espécie de distinção histórica entre Inglaterra e França, como se fossem protótipos, respectivamente, de “contratualismo” e “absolutismo”.

Palavras-chave


Antigo Regime – Leis – Justiça – Soberania

Texto completo:

PDF (baixado




Direitos autorais