Imagem para capa

Olhos azuis, ou as leis 10.639/03 e 11.645/08 na prática

Ivan Fortunato

Resumo


Este texto é quase um relato de experiência, porque é fruto do trabalho direto em sala de aula com estudantes do ensino superior, acadêmicos do curso de pedagogia. Contudo, seu propósito é maior do que apenas compartilhar uma atividade de sucesso, que pode ser replicada em outras salas de aula, porque trata de um tema de suma importância para nossa sociedade, que é o preconceito e suas derivações (racismo, machismo, xenofobia etc.). São dois os principais motivadores deste ensaio: a legislação nacional específica sobre o ensino da história e cultura afro-brasileira, e o documentário norte-americano chamado Olhos Azuis. Ao final, espera-se contribuir para o desenvolvimento de práticas pedagógicas e condutas cotidianas em prol da igualdade humana.

Palavras-chave


discriminação; documentário; cidadania; educação; prática pedagógica.

Texto completo:

PDF (baixado




Direitos autorais