Imagem para capa

Espaço público e interesses privados: disputas políticas sobre o ensino religioso

Vitor Barletta Machado, Katia Mika Nishimura

Resumo


Os trinta anos da promulgação da Constituição de 1988 trazem, entre outras reflexões, a discussão acerca da questão da valorização dos ideais democráticos e republicanos tão presentes em seus artigos. Esse é um período marcado pelas disputas políticas e pelos seus conflitos, mas também pela mobilização popular e reconhecimento dos direitos de alguns grupos sociais até então excluídos. Este artigo procura sistematizar algumas reflexões acerca do ensino religioso, a partir da experiência das atividades de Extensão em uma escola pública, considerando o cenário de disputas caracterizado pelo aumento da participação da chamada Bancada da Bíblia no Congresso Nacional, pelo debate em torno dos direitos sexuais e das reações conservadoras. A recente aprovação do STF do ensino religioso confessional nas escolas públicas acrescenta outros elementos à discussão das disputas políticas e dos interesses privados no espaço público.

Palavras-chave


Constituição de 1988; extensão; escola pública; bancada da Bíblia

Texto completo:

PDF (baixado




Direitos autorais 2018 Revista Espaço Acadêmico