Transfigurações no tempo e no espaço: Aula Isolada Campo da Redenção em Porto Alegre/RS (1907-2015)

Tatiane de Freitas Ermel

Resumo


Inserindo-se na perspectiva da cultura escolar, problematiza-se no artigo a arquitetura escolar como patrimônio histórico-educativo. Analisa-se o caso da Aula Isolada Campo da Redenção, construída em 1907, na cidade de Porto Alegre/RS, acompanhando-se as transformações do edifício ao longo de sua história até a utilização de suas dependências para a instalação da Casa de Conselhos Municipais, em 2015. Na pesquisa, foi consultado um amplo corpus documental, do qual se destacam: Relatórios da Diretoria de Instrução Pública e Obras Públicas do Estado do Rio Grande do Sul, periódicos, processos, fotografias, projetos e plantas. Constata-se que a edificação está inventariada como patrimônio cultural pela Prefeitura de Porto Alegre, mas seria necessário implementar uma série de políticas públicas para a recuperação do espaço, envolvendo ações que articulem a história e a memória da instituição de ensino que funcionou no local.


Palavras-chave


Escola primária; Arquitetura escolar; Patrimônio histórico-educativo; Aula Isolada

Texto completo:

PDF (baixado

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Resultado de imagem para CC BY