Historiografia educativa sobre estéticas e sensibilidades na América Latina: um balanço (que se tem conhecimento) incompleto

Pablo Pineau

Resumo


Neste trabalho buscamos esclarecer um conjunto de estudos sobre estética e sensibilidade escolar desenvolvidos na América Latina nas últimas décadas. Embora encontremos marcas destes temas em trabalhos anteriores, os efeitos do chamado ‘giro afetivo’ nas ciências sociais –e mais especificamente na historiografia educativa– permitiram novos recortes e aperfeiçoamentos mediante a construção de abordagens próprias que adotou particularidades na região. Não se espera produzir uma classificação de definições e ver qual é a que melhor se aplica, ou determinar se é melhor falar de sentimentos, emoções, sensibilidades estéticas ou outro, mas ver em quais âmbitos conceituais se inserem seus usos e potencialidades para trabalhos atuais ou para desenvolvimentos futuros.


Palavras-chave


estética; sensibilidade; América Latina; historiografia; giro afetivo

Texto completo:

PDF (baixado

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Resultado de imagem para CC BY